Autoridade de Segurança Alimentar e Económica, na sequência de uma investigação no âmbito do combate aos ilícitos criminais contra a saúde pública, realizou através da Unidade Regional do Sul – Unidade Operacional XI/Évora uma operação de fiscalização que resultou no desmantelamento de um local onde se procedia de forma ilícita, camuflada e sem condições técnico-funcionais ao abate e à comercialização de animais, no distrito de Évora.

Como resultado da intervenção foi constatado que ali se procedia ao abate de borregos, em local não licenciado para o efeito, e sem condições de higiene adequadas, não sendo os animais sujeitos à inspeção sanitária obrigatória para despiste de doenças.

Da ação resultou, a instauração de um processo-crime de abate clandestino, tendo sido apreendidas cerca de 72,500Kg de carne, diverso material de corte e acessórios bem como documentação probatória e indiciária dos ilícitos praticados.

Na sequência da ação procedeu-se ainda à detenção de um suspeito.

A ASAE continuará a desenvolver ações de fiscalização, no âmbito das suas competências, em todo o território nacional que garantam a salvaguarda da saúde pública e da segurança alimentar.

Fonte: Nota de Imprensa / ASAE

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Veja também

ASAE em monitorização nacional do preço dos combustíveis

A Autoridade de Segurança Alimentar e Económica (ASAE), realizou durante o dia de ontem, u…