O atleta juvenil que fez toda a sua formação nas escolas de futsal do Internacional Sport Clube, de Évora, e que se transferiu para o clube da capital portuguesa no final do mês de janeiro, estrou-se ao serviço do seu novo clube com três golos, sendo determinante na vitória sobre a Associação Desportiva de Oeiras por 4-2.

Ainda na ressaca da conquista de mais dois títulos distritais ao serviço do Internacional Sport Clube, nos escalões de juvenis e juniores, Tomás Zurzica rumou a Lisboa consumando um namoro que já durava à algum tempo, mas que só no final do mês de janeiro se concretizou, abrindo as portas a outros patamares da modalidade a um dos maiores talentos do nosso distrito.

Tomás Zurzica iniciou a sua prática desportiva no Futsal e no INTER em 2017/2018 ainda como Benjamim, cumprindo 6 temporadas e meia no único clube que representou até ao momento em que abraça este novo desafio na sua carreira.

O jovem Universal destacou-se ao serviço das seleções distritais onde teve sempre um elevado rendimento nos torneios interassociações, tendo deixado excelentes indicações aos treinadores nacionais.


Não foi de estranhar que as suas prestações rapidamente entrassem no radar das seleções nacionais, tendo sido chamado por duas vezes aos trabalhos da equipa sub-15.

Bruno Curvo foi o seu treinador no Internacional Sport Clube desde o escalão de infantis e não tem dúvidas ao afirmar que “o sucesso do Tomás prende-se ao próprio Tomás”. E concretiza: “Ele é o tipo de jogador e miúdo que qualquer treinador gostaria de apanhar, não por ser o melhor mas porque ouve e segue tudo aquilo que lhe é recomendado. Tem genuíno interesse em querer saber sempre mais, seja a nível de pormenores técnicos e preparação física mas, principalmente, na componente tática. Pergunta os porquês, tenta entender porque deve fazer de uma forma e não de outra, faz questão de estar em todas as análises de jogo e esmiuçar cada erro que possa ter cometido. É o tipo de jogador que também obriga o próprio staff técnico e colegas a serem melhores, pela sua própria ambição e postura de auto-superação. A sua evolução desde infantis tem vindo a ser contínua, principalmente devido à sua ética de trabalho e humildade”.

Por sua vez, João Serrano, treinador das seleções distritais da Associação de Futebol de Évora refere que nunca teve dúvidas de que a chegada do atleta a um clebe grande era uma questão de tempo: “O seu desempenho desportivo diferenciado no torneio nacional interassociações do seu escalão (Sub-15), mostrou que era um dos melhores na sua idade a nível nacional (para mim o melhor na sua posição), tendo sido o melhor marcador do torneio. Nessa altura foi chamado à seleção nacional. Tive o privilégio de participar nesse estágio, no Luso, onde praticamente só estavam jogadores dos grandes clubes nacionais da modalidade (Benfica, Sporting, Caxinas) e ele não deixou dúvidas a ninguém, muito menos aos selecionadores nacionais. Chegar a um grande clube, neste caso o Benfica, era inevitável”.

Quanto às principais características de Tomás Zurzica, “na época desportiva 2021/2022, ainda como iniciado (Sub 15) do Internacional S.C., integrei-o na nossa seleção Sub 17! Percebi que estávamos perante um talento, que conjugava uma verdadeira envergadura de atleta, com uma capacidade diferenciada para o Futsal, em particular na posição de Pivot. Mostrou desde cedo uma grande vontade de aprender e de compreender o que tinha de melhorar. Para além de uma extraordinária atitude defensiva, é muito forte a jogar de costas para a baliza, a servir os seus colegas e a assumir situações de “1×1”, revelando-se um excelente finalizador”.

Qualidades que não se esgotam apenas no “jogador”: “Foi um verdadeiro exemplo, mostrando um perfil de personalidade próprio de grandes jogadores: humilde, inteligente, determinado, comprometido com o treino e com o processo, um líder natural”, concluiu.

Fonte: Nota de Imprensa / Associação de Futebol de Évora

Secção de comentários fechada.

Veja também

Kickboxing internacional com presença eborense

O árbitro eborense de Kickboxing José Lameiro voltou a estar ao mais alto nível ao marcar …