Realiza-se no próximo dia 01 de junho, pelas 21H30, no Núcleo Museológico da Rua do Sembrano, em Beja, a conferência “A CHARNECA DE ODEMIRA: UMA PAISAGEM PARTICULAR. PERSPECTIVA DIACRÓNICA”, pelo Historiador António Martins Quaresma.

A conferência, de entrada livre, está integrada no ciclo “Terra e Paisagens no Sul”, que resulta de uma parceria entre a EDIA, a Câmara Municipal de Beja e a Direção Regional de Cultura do Alentejo e conta com o apoio da Associação para a Defesa do Património Cultural da Região de Beja e da Universidade Sénior de Beja.

Este ciclo de conferências pretende ajudar a perceber como se foi definindo a paisagem alentejana e moldadas as suas gentes.

O grande concelho de Odemira distribuía-se tradicionalmente, segundo as gentes locais, em duas sub-regiões: a “serra” e a “charneca”. Esta divisão resultava da consciência da existência de espaços diferentes, sob vários pontos de vista: relevo, pedologia, flora e até clima – e consequentemente do seu aproveitamento económico.

Por inícios do século XX, também na Charneca começaram a ocorrer arroteamentos, sobretudo destinados à cerealicultura, que a política agrária do Estado Novo, perseguindo a autarcia, acentuou. O último e significativo impulso transformador verificou-se com a criação do Perímetro de Rega do Mira, abastecido pela barragem de Santa Clara (1968). O percurso pelas mudanças verificadas desde o século XVIII ao XX é o objeto da presente conferência.

NOTA BIOGRÁFICA: António Martins Quaresma é doutor em história, com uma tese sobre o Rio Mira no Sistema Portuário do Litoral Alentejano (1851-1918). O litoral alentejano tem merecido boa parte do seu trabalho enquanto investigador, de que resultou a publicação de vários livros, artigos e comunicações em congressos.

Fonte: Nota de Imprensa / EDIA – Empresa de Desenvolvimento e Infra-estruturas do Alqueva, S.A.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Veja também

Intervenção terapêutica no luto, em Moura

A Câmara Municipal de Moura vai dar início ao 3.º grupo de apoio do projeto “Intervenção T…