No dia 23 de Abril, a Fénix – Associação dos Músicos de Redondo apresenta o espetáculo “Estação Abril Redondo” no Centro Cultural de Redondo pelas 21H30.

Uma Ação de Inclusão pela Cultura que se relaciona com as comemorações do 25 de abril e que tem estado a ser desenvolvida pela Fénix – Associação dos Músicos de Redondo, uma das várias entidades parceiras do programa Transforma que tem desenvolvido atividades nas áreas do teatro, música e narração.

Este espetáculo, desenvolvido no âmbito do projeto Transforma – Programa para uma Cultura Inclusiva do Alentejo Central, pretende promover a valorização e registo dos testemunhos e do papel dos idosos na preservação da memória do 25 de abril de 1974 e o que este momento histórico representa para a região.

Representa, também, o culminar de vários meses de trabalho com jovens dos municípios de Arraiolos e Redondo, e Idosos da ARPIRedondo (em Redondo).

O espetáculo tem início na rua, ainda à porta do Centro Cultural de Redondo onde o público será recebido por um grupo de percussão que encaminha as pessoas para a sala.

Já dentro do espaço, o público terá oportunidade de assistir a um espetáculo dividido em vários atos que incluem: declamação de poemas associados ao 25 de abril; partilha de histórias por parte dos idosos da região que viveram este período do 25 de abril; várias atuações musicais, nomeadamente, de um coro infantil e de um grupo de percussão “Tomba-Lombos” além de um momento com um Coro Alentejano.

No fundo, este espetáculo de entrada gratuita mediante reserva, celebra a riqueza cultural da região integrando-a com a memória coletiva do 25 de abril de 1974.

Transforma – Programa para uma Cultura Inclusiva do Alentejo Central, promove uma cultura verdadeiramente inclusiva, potenciando a participação social, valorizando a expressão criativa, promovendo o acesso generalizado à cultura e capacitando agentes e organizações locais.

As Ações de Inclusão pela Cultura fazem parte de um conjunto alargado de atividades deste programa que tem como destinatários finais grupos mais expostos a situações de exclusão social, contudo, os seus conteúdos visam ainda envolver as comunidades de forma alargada, contribuindo para uma verdadeira inclusão através da cultura.

Fonte: Transforma

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Veja também

ADBES inaugura estúdio de gravação de música aberto a todos os jovens de Évora

A ADBES - Associação para o Desenvolvimento e Bem Estar Social inaugurou, na passada terça…