O evento internacional dedicado à música realiza-se no Porto entre 27 e 31 de outubro

As edições de 2022 dos Festivais Imaterial e Artes à Rua já têm datas. De 20 a 28 de maio do próximo ano a Câmara Municipal de Évora acolhe a segunda edição do IMATERIAL – PATRIMÓNIO PENSADO E VIVIDO, “festival que assenta no diálogo entre culturas distintas, entre passado e presente, entre património edificado e património que só existe dentro dos seus intérpretes, em busca de um reconhecimento do outro e de valorização das diferenças.”

No Verão regressa o ARTES À RUA – Um festival, todas as artes e culturas, que vai decorrer entre 29 de julho e 14 de agosto depois de dois anos de interregno devido à pandemia. “Em Évora, durante a primeira quinzena de Agosto as Praças e as Ruas são lugares de afetos e fruição de músicas de todo o Mundo, que resultam de muitas tendências estéticas, que dialogam com as tradições, construindo permanentemente a identidade dos povos. As mesmas Ruas e Praças são lugares de encontro com a música, a dança, o teatro, a performance, o circo contemporâneo, as artes visuais.”

O lançamento da próxima edição destes festivais acontece no Porto, na WOMEX – Worldwide Music Expo, na qual Évora vai estar representada com um stand desenvolvido pela equipa de missão de Évora, cidade candidata a Capital Europeia da Cultura 2027.

A WOMEX é considerada a maior conferência do cenário musical a nível mundial, incluindo feira de negócios, palestras, filmes e concertos, caracterizando-se como o encontro musical global e culturalmente mais diversificado. É esperada a presença de mais de 2500 profissionais (incluindo 260 artistas) de 90 países que se reúnem, anualmente, naquela que é considerada a principal plataforma em rede para a indústria da música.

Fonte: Nota de Imprensa / Câmara Municipal de Évora

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Veja também

CIMAC coordena programa para uma cultura inclusiva no Alentejo Central

Promover a inclusão através da cultura. Esta é a proposta do Programa Transforma que está …