As eleições autárquicas são um momento de grande relevância na vida de um concelho, não só pela eleição do presidente da câmara municipal (e restante executivo) e dos membros da assembleia municipal, mas também pela escolha dos membros das assembleias de freguesia.

Em Évora, são 12 as freguesias e uniões de freguesias que viram eleitos os seus representantes no passado domingo. Em termos de balanço, destaca-se que o PS conquistou sete dessas autarquias, a CDU alcançou a vitória em duas, outras duas vão ser lideradas por movimentos independentes e uma ficou nas “mãos” da coligação PSD/CDS-PP/MPT/PPM.

A União das Freguesias (UF) de Évora (centro histórico) deixa de ser liderada pela CDU e passa para a coligação PSD/CDS-PP/MPT/PPM, que elegeu Francisco Brito como presidente (27,41% – três mandatos).

Outra das UF que deixa de ser comunista é a do Bacelo e Senhora da Saúde. Luís Pardal foi eleito presidente pelo PS, com 28,03% dos votos (quatro mandatos).

Cenário idêntico foi o verificado na UF da Malagueira e Horta das Figueiras, que deixa de ser liderada pela CDU. O PS ganhou com 23,82% (quatro mandatos) e elegeu Ananias Quintano.

Quanto à Freguesia de Canaviais, mantém-se nas “mãos” do PS, mas não com o mesmo presidente. Bernarda Cota foi eleita com 38,89% dos votos (cinco mandatos).

Em relação à Freguesia de São Miguel de Machede, Luís Ramalho foi reeleito pelo PS com 47,66% dos votos (quatro mandatos).

Relativamente à Freguesia de Torre de Coelheiros, o PS também reelegeu o atual presidente. Lúcio Guerreiro obteve 67,80% dos votos (cinco mandatos).

Os socialistas também se mantêm na liderança da UF de São Manços e São Vicente do Pigeiro, tendo sido reeleita como presidente Florinda Russo, com 71,17% dos votos (seis mandatos).

Em relação à UF de São Sebastião da Giesteira e Nossa Senhora da Boa Fé, o PS também voltou a ganhar, mas elegeu um novo presidente. No passado domingo, Redolfo Pereira alcançou 62,19% dos votos (cinco mandatos).

No que diz respeito à Freguesia de Nossa Senhora da Graça do Divor, o atual presidente Isidro Lobo foi reeleito pela CDU, conseguindo 55,47% (cinco mandatos).

Os comunistas também continuam a liderar a UF de Nossa Senhora da Tourega e Nossa Senhora de Guadalupe. A CDU reelegeu Joaquim Pimpão como presidente, conseguindo 54,08% dos votos (quatro mandatos).

Por sua vez, a Freguesia de Nossa Senhora de Machede também mantém o seu atual presidente, José Vitorino Piteira, que foi reeleito pelo Machede Movimento Popular Independente, com 39,66% (três mandatos).

Quanto à Freguesia de São Bento do Mato, deixou de ser liderada pelo PS, tendo vencido o Micaza – Movimento Independente de Coesão Azarujense, que elegeu David Lopes como presidente (57,61% – cinco mandatos).

No site www.autarquicas2021.mai.gov.pt é possível consultar em pormenor todos os resultados das eleições autárquicas do passado domingo.

Autor: Redação DS / Marina Pardal

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Veja também

Henrique Sim-Sim é o candidato do PSD à Câmara de Évora

"O PSD pretende assim apresentar um projeto autárquico sólido, construindo uma alternativa…