Decorreu no passado dia 18 de janeiro, no Auditório do Núcleo Empresarial da Região de Évora, a Ação de Formação sobre o “Plano de Ação para a Vigilância e Controlo da Vespa Velutina em Portugal” promovida pela Direção Geral de Alimentação e Veterinária (DGAV), com a colaboração da Comunidade Intermunicipal do Alentejo Central (CIMAC), do Instituto Nacional de Investigação Agrária e Veterinária (INIAV), do Instituto da Conservação da Natureza e das Florestas (ICNF) e da Federação Nacional dos Apicultores de Portugal (FNAP).

Esta ação teve como principal objetivo a transmissão de conhecimentos sobre o Plano de Ação para a Vigilância e Controlo da Vespa Velutina em Portugal, enquadramento e atuação nacional face ao estabelecimento e disseminação da vespa asiática em Portugal continental (vespa velutina nigrithorax), que atualmente já se encontra em pequena escala em alguns municípios do Alentejo Central.

Foi dirigida a Técnicos de diversas entidades da Administração Central e Local, nomeadamente Câmaras Municipais (nomeadamente GTF – Gabinetes Técnicos Florestais, Serviços Municipais de Proteção Civil e Veterinários Municipais); Apicultores, Elementos do SEPNA/GNR e Bombeiros.

Fonte: Nota de Imprensa / Comunidade Intermunicipal do Alentejo Central (CIMAC)

Secção de comentários fechada.

Veja também

Intervenção terapêutica no luto, em Moura

A Câmara Municipal de Moura vai dar início ao 3.º grupo de apoio do projeto “Intervenção T…