Foram revelados os vencedores da 10ª edição do Concurso de Vinhos do Crédito Agrícola, uma iniciativa em parceria com a Associação dos Escanções de Portugal, numa cerimónia realizada no passado dia 12 de Janeiro, na Estufa-Fria, em Lisboa.

Na 10ª edição do Concurso foram submetidos a concurso um total de 246 vinhos – brancos, tintos e espumantes – e colocados à prova por 99 produtores nacionais das várias regiões do vitivinícolas do país, Clientes e Associados do Crédito Agrícola.

O júri, constituído por enólogos, enófilos e jornalistas especializados no sector, distinguiu, durante as provas cegas realizadas a 21 de Outubro, 75 vinhos, dos quais 70 com a Medalha de Ouro, três com a Grande Medalha de Ouro e duas distinções para Vinho de Produção Sustentável, a novidade apresentada nesta edição do Concurso, subordinada à temática da sustentabilidade.

Na 10ª edição foram distinguidos vinhos das várias regiões vitivinícolas: Vinhos Verdes (uma medalha), Douro (15 medalhas), Dão (nove medalhas), Beira Interior (uma medalha), Bairrada (três medalhas), Tejo (seis medalhas), Lisboa (sete medalhas), Península de Setúbal (oito medalhas), Alentejo (19 medalhas), Algarve (cinco medalhas) e Açores (1 medalha). Consulte a lista dos Premiados.

A Cerimónia de Entrega de Prémios, que assinalou a 10ª edição do Concurso de Vinhos do Crédito Agrícola, contou com a presença da Ministra da Agricultura e Alimentação, Maria do Céu Antunes, do presidente do Grupo Crédito Agrícola, Licínio Pina, do presidente da Associação dos Escanções de Portugal,Tiago Paula, do presidente do IVV, Bernardo Gouvêa, do presidente da ViniPortugal, Frederico Falcão, representantes de Comissões Vitivinícolas Regionais, assim como produtores de várias regiões vitivinícolas e responsáveis das Caixas de Crédito Agrícola Mútuo de todo o país.

O Concurso de Vinhos do Crédito Agrícola tem como objectivo promover e colocar à prova a qualidade dos vinhos nacionais, procurando gerar novas oportunidades de negócio e dinamização das comunidades onde desenvolve o seu trabalho em contacto directo com as pessoas. Esta é mais uma iniciativa do Grupo Crédito Agrícola para apoiar o sector vitivinícola, cooperativas e produtores locais, e o desenvolvimento das economias locais.

Fonte: Nota de Imprensa / Crédito Agrícola

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Veja também

Alentejo arrecada mão cheia de distinções nos Prémios de Enoturismo da APENO

O Alentejo tem vindo a destacar-se como destino de excelência de enoturismo, tendo regista…