“Agora é que é um descanso”. É a partir desta ideia que a Entidade Regional de Turismo (ERT) do Alentejo e do Ribatejo apresenta uma nova campanha promocional para o território alentejano, que tem como foco os meses de outono e inverno.

O desafio é lançado às famílias portuguesas através de um vídeo em que um alentejano fala das particularidades da região, sobretudo nesta altura do ano.

“Porque agora é que há menos gente” ou “porque os melhores restaurantes estão menos concorridos” são algumas das ideias transmitidas, ao mesmo tempo que é evidenciado que “é um descanso porque já não está aquele sol abrasador e os passeios ficam mais agradáveis” ou que “é um descanso porque tudo pode ser feito com maior tranquilidade e espontaneidade”. Em suma, a campanha, que já está “no ar”, destaca que “é um descanso porque dá, de facto, para descansar”.

A ERT já anunciou que, em breve, também vai arrancar uma campanha semelhante, mas direcionada para o Ribatejo.

Em declarações aos jornalistas, o presidente da Turismo do Alentejo e Ribatejo, José Manuel Santos, especificou que “a campanha assenta numa mensagem para os portugueses para que venham passar os seus dias livres, os fins de semanas, as pontes ao Alentejo e ao Ribatejo”.

Explicou que o objetivo foi “desenvolver uma campanha tática que tenta estabelecer uma afinidade crescente com as famílias portuguesas, procurando mostrar-lhes, especialmente aos nossos principais mercados emissores, como a Área Metropolitana de Lisboa e a Área Metropolitana do Porto, mas não só, que quer o Alentejo, quer o Ribatejo são os melhores destinos para este período de outono e inverno”.

O mesmo responsável frisou que, “depois das férias de verão, depois de terem colocado os miúdos na escola e de preparar o novo ano letivo, os portugueses estão a precisar de descansar”, reiterando que “a ideia da campanha é que ‘Agora é que é um descanso’, no sentido de que é preciso regressar a algum escape e não há melhores destinos para isso do que o Alentejo e o Ribatejo”.

Segundo José Manuel Santos, “é uma campanha que passa muito pelos meios digitais, pelas redes sociais, com uma programação automática, em que os anúncios são mostrados ao target do Alentejo e ao target do Ribatejo”, considerando que, “desse ponto de vista, é uma campanha de marketing digital muito inteligente”.

Adiantou também que “vamos estar também em alguns espaços exteriores em Lisboa, em outdoors digitais”, reforçando que “vamos estar nas principais centralidades da Área Metropolitana de Lisboa”.

O presidente da Turismo do Alentejo e Ribatejo referiu ainda que “vamos gastar cerca de 100 mil euros na campanha, o que não é um orçamento muito significativo, mas é um esforço de comunicação e de marketing que vai permitir, nestes próximos dois meses, consolidar aquilo que aconteceu nos primeiros oito meses do ano”, sublinhando “o facto do Alentejo e do Ribatejo serem o destino que mais está a crescer na procura turística doméstica”.

Ainda em relação à campanha, José Manuel Santos salientou que passa a mensagem de que “’agora ainda estamos aqui melhor, agora isto é mais verdadeiro’”.

A esse respeito, reiterou que, “para além da excelente qualidade do nosso alojamento turístico, da nossa restauração e da nossa gastronomia, acho que aquilo que os portugueses gostam muito na região é a hospitalidade”, comentando que “há uma relação muito afetiva dos portugueses com o Alentejo e também com o Ribatejo”.

O mesmo responsável considerou ainda que “termos um cicerone alentejano e uma cicerone ribatejana a convidarem os portugueses a virem passar as férias às nossas regiões valoriza muito cada uma das campanhas”, admitindo que, “desse ponto de vista, é uma campanha muito identitária”.

Na sua perspetiva, “foi uma boa opção nossa, de um conjunto de pessoas que na ERT participaram, opinaram e ajudaram muito a fazer desta uma boa campanha de marketing”.

De acordo com José Manuel Santos, “a campanha referente ao Alentejo arrancou na quarta-feira e decorre até final de outubro, nos meios já referidos e em apresentações à comunicação social”.

Anunciou ainda que, “no final deste mês, vamos começar a ativar a campanha Ribatejo, que em termos de meios é idêntica, decorrendo depois em novembro”.

O presidente da ERT resumiu que “vamos à conquista de muitas viagens e de muitas dormidas dos portugueses na nossa hotelaria, no nosso turismo rural, no nosso alojamento local”, afirmando que “pensamos de facto que não há melhor região para os portugueses poderem passar uns dias de descanso”.

Texto: Redação DS / Marina Pardal
Fotos: DS / Turismo do Alentejo

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Veja também

Turismo do Alentejo e Ribatejo tem apostado em diferentes apoios para o enoturismo

A Entidade Regional de Turismo (ERT) do Alentejo e Ribatejo tem vindo a apostar em diferen…