Inscrições para a 4ª edição CIS EMPREENDE – Concurso para Novas Soluções Sociais decorrem até 31 de Outubro

O Centro de Inovação Social da Fundação Eugénio de Almeida promove mais uma edição do CIS EMPREENDE – Concurso para Novas Soluções Sociais, uma iniciativa que visa distinguir e apoiar projetos de Inovação Social que respondam a desafios concretos da comunidade, enquadrados na lista de Objetivos de Desenvolvimento Sustentável definida pela Organização das Nações Unidas, tais como erradicação da pobreza, educação de qualidade, trabalho digno ou ação climática.

O CIS EMPREENDE irá distinguir quatro vencedores, aos quais será dada a oportunidade de concretizar a sua ideia, através do apoio e consultoria relativa aos projetos selecionados.

Os vencedores das edições passadas conseguiram erguer projetos inovadores com real impacto na sociedade. Exemplo disso é o projeto “Ismael, e se fosses tu?”, vencedor da 3ª edição do CIS EMPREENDE, um programa de combate e prevenção de bullying, que recorre à inclusão social e às artes, desenvolvido na comunidade escolar em Montemor-o-Novo. Outro projeto a destacar é “Home”, que consiste na criação de uma rede qualificada de cuidadores em Portugal, com o objetivo de colmatar a falta de cuidadores profissionais de idosos e garantir a qualidade da intervenção.

“A visão humanista da sociedade tem norteado toda a ação da Fundação Eugénio de Almeida, desde a sua criação, há 60 anos. A Fundação tem procurado responder aos desafios concretos da comunidade, adaptando-se às necessidades dos diferentes tempos. Neste contexto, a Inovação Social desempenha um papel crucial no país, e sobretudo na região do Alentejo, pois permite abordar desafios concretos das pessoas, do território, como o envelhecimento e o despovoamento. Ao promover soluções criativas e sustentáveis, a Inovação Social tem o potencial de contribuir para revitalizar o tecido social da região, melhorando a qualidade de vida das pessoas”, afirma Maria do Céu Ramos, Secretária-Geral da Fundação Eugénio de Almeida.

“Procuramos boas ideias, que sejam inovadoras, que tenham potencial e que assentem em modelos de negócio sustentável, com verdadeira capacidade para serem aplicadas na região de Évora e no Alentejo”, destaca Henrique Sim-Sim, coordenador da Área Social e de Desenvolvimento da FEA.

Os quatro projetos vencedores serão integrados num Programa de Pré-Aceleração de 10 sessões, ao qual se seguirá a fase de Incubação no Centro de Inovação Social durante seis meses. Antes de conhecidos os vencedores, os oito finalistas integrarão um Programa de Capacitação.

Podem concorrer a este concurso todas as pessoas maiores de idade, individualmente ou em equipa, bem com entidades coletivas.

As inscrições decorrem até 31 de Outubro.

A Fundação Eugénio de Almeida é uma Instituição de direito privado e utilidade pública, sediada em Évora, que tem como missão o desenvolvimento humano pleno, integral e sustentável da região. Fundada em 1963 por Vasco Maria Eugénio de Almeida, tem tido um importante impacto económico, social e cultural em toda a região do Alentejo. Entre os seus mais relevantes projetos, destacam-se o Centro de Arte e Cultura, principal pólo de arte contemporânea a sul do Tejo; o Centro de Inovação Social, primeiro do género na região; o Banco de Voluntariado, projeto internacionalmente acreditado. A Fundação é detentora de um vasto património cultural, reabilitado para a fruição pública, sendo também responsável por um extenso programa de Bolsas e Apoios. É membro da Comissão Executiva de Évora 27 – Capital Europeia da Cultura.

Em 2023, a Fundação Eugénio de Almeida comemora 60 anos de existência.

Fonte: Nota de Imprensa / Fundação Eugénio de Almeida

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Veja também

CCDR recebeu cerimónia de Assinatura e Homologação dos Contratos Construir Portugal e dos Termos de Aceitação Programa de Recuperação/Reabilitação de Escolas

Decorreu no auditório da CCDR Alentejo, I.P., a Cerimónia de Assinatura e Homologação dos …