No dia 2 de junho, entre as 08h30 e as 19h15, terá lugar nas instalações do PACT – Parque de Ciência e Tecnologia, um Game Jam, isto é, uma atividade em que os participantes serão desafiados a desenvolver um videojogo funcional.

A ação ocorre no seguimento do último evento do PACT, o debate “Game Technologies”, e será a primeira iniciativa do género a ser dinamizada na região, concretizando a nova aposta do PACT em atividades de desenvolvimento e promoção do panorama tecnológico regional.

A indústria criativa dos videojogos é atualmente uma das áreas que mais impulsiona a economia mundial. No caso de Portugal, o país possui recursos humanos altamente qualificados na área, mas tem dificuldade em retê-los. Em entrevista ao Diário do Sul, Soumodip Sarkar, Presidente Executivo do PACT, afirma que “o PACT pretende contrariar esta tendência através da promoção de uma indústria voltada para eGames, a nível regional, contribuindo assim para o aumento da competitividade da indústria, em termos globais. O Game Jam é uma das atividades que o PACT está a organizar, tendo em conta a sua participação na Agenda Mobilizadora eGames Lab, que explora exatamente esta área em enorme expansão, mas para além disso este evento representa também uma nova aposta estratégica do PACT para o futuro da região”.

Para tal, destaca o Presidente Executivo, “o PACT está empenhado em proporcionar diversas atividades relacionadas com o setor que sensibilizem os jovens para a importância do valor que esta indústria pode trazer ao desenvolvimento da região (e do país) e consolidem a possibilidade daqueles que já fazem intenções de seguir um futuro profissional no ramo dos videojogos em Portugal. “

Com a organização do evento Game Jam, o PACT irá promover não só o interesse e aprendizagem nas áreas tecnológicas através da aplicação de conhecimentos de programação, design e informática, mas também o desenvolvimento de soft skills como liderança, pensamento crítico, trabalho em equipa, resolução de problemas, comunicação e gestão de tempo.

No evento, os participantes serão divididos em grupos de 3 pessoas e acompanhados por 2 mentores, ao longo do dia. Os melhores videojogos serão premiados na sessão de encerramento, que irá decorrer mais tarde, a 7 de junho, e que conta com o patrocínio de empresas relevantes na área a nível nacional e regional, como a Recatpig, que também faz parte do eGames Lab, a Goma Development, empresa inPACT, e a Chip7 de Évora. O Game Jam PACT conta ainda com o patrocínio da Pizzaria Álamos. A este nível, Soumodip Sarkar refere que “o envolvimento das entidades locais e regionais neste tipo de iniciativas é essencial para o sucesso das mesmas e a resposta positiva que recebemos em termos de apoios ao evento mostra como estes organismos estão de facto abertos e interessados em colaborar e, naturalmente, beneficiar das sinergias que se podem criar em prol da realização de eventos que visam o desenvolvimento da região por via da capacitação, neste caso, das gerações mais novas.”

Até à sessão de encerramento, o júri ficará encarregue de proceder à avaliação de todos os videojogos desenvolvidos e de decidir quais os 3 que se destacam. No painel de jurados, constam nomes como Marco Bettencourt, CEO e Founder da Redcatpig, Diogo Teixeira, Founder e Graphics Programmer na Amplify Creations, e Paulo Maldonado, Arquiteto e Designer, Diretor do Mestrado em Design e Professor Catedrático na Universidade de Évora.

Os 40 participantes já inscritos são maioritariamente estudantes do ensino superior que frequentam a Universidade de Évora, no entanto a iniciativa também inclui alunos do Instituto Politécnico de Portalegre, do Instituto Politécnico de Leiria e do Instituto Superior Técnico de Lisboa. Também alguns alunos do ensino secundário de Évora irão participar, nomeadamente das escolas Gabriel Pereira, Severim de Faria e EPRAL.

Na perspetiva do Professor Catedrático na Universidade de Évora, “este é um evento ímpar na região e uma oportunidade única de networking para todos os interessados na indústria de eGames, uma vez que cria as condições necessárias para que os alunos desenvolvam um projeto e recebam feedback sobre o mesmo, graças ao conjunto de profissionais experientes e dispostos a partilhar o seu conhecimento com os mais novos, incentiva a continuação do desenvolvimento de trabalhos na área ao premiar os melhores, com o auxílio do apoio dos vários parceiros, e permite delinear de uma forma mais sustentada as próximas iniciativas na área, que já estão previstas para o futuro e em fase de desenvolvimento pelo PACT”.

Independentemente das diferenças que os participantes apresentam ao nível do grau de escolaridade, da instituição de ensino e da idade, todos eles partilham 4 aspetos essenciais: interesse pela área dos videojogos, conhecimentos de programação, criatividade e inovação e capacidade para trabalhar em equipa.

Para mais informação, consulte:
https://www.pact.pt/site/pact-organiza-1o-game-jam-do-alentejo-no-ambito-do-projeto-egames-lab/

Esta atividade ocorre no âmbito da participação do PACT no projeto eGames Lab, apoiado pelo PRR – Plano de Recuperação e Resiliência, e pelos Fundos Europeus Next Generation EU.

Fonte: Nota de Imprensa / PACT – Parque de Ciência e Tecnologia

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Veja também

PACT promove serviços de apoio à Propriedade Intelectual com inauguração do Gabinete AlentEdge

A Propriedade Intelectual (PI) assume hoje um papel de enorme relevância nos negócios e pa…