A Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional (CCDR) do Alentejo tem vindo a marcar presença nos vários eventos que se vão realizando no território, com o objetivo de dar a conhecer o trabalho que desenvolve, bem como os projetos que são realizados.

Recorde-se que a CCDR do Alentejo está envolvida em projetos transversais a várias áreas, como a mobilidade, a economia circular ou a adaptação às alterações climáticas, por exemplo, sendo esta uma oportunidade para mostrar aquilo que é a intervenção da referida entidade no território.

O presidente da CCDR do Alentejo, António Ceia da Silva, disse aos jornalistas que “desde as eleições que a nossa aposta tem sido em divulgar o que fazemos, pois sempre considerámos importante dar a conhecer às pessoas essas questões”.

Frisou ainda que “compete à Comissão de Coordenação divulgar aquilo que é a execução de um quadro comunitário ou a preparação de um novo quadro comunitário”, considerando que “deve fazer isso cada vez com maior incidência para que os cidadãos saibam o que é a CCDR do Alentejo”.

Relativamente à relevância da Feira da Luz/Expomor, Ceia da Silva lembrou que “os eventos são sempre importantes do ponto de vista da dinâmica, mas também para divulgar aquilo que de melhor há na nossa região”, reforçando que “este é o tipo de certame que pode levar a promover os territórios da melhor forma”.

Além disso, sustentou que, “independentemente da importância que Évora tem, e que é decisiva para o território, o distrito também precisa de ter outros espaços com uma determinada dinâmica”, evidenciando que “Montemor-o-Novo está a dar ‘passos’ para se assumir como um grande espaço urbano e como um espaço de cidadania”.

Autor: Redação DS / Marina Pardal
Foto: DS

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Veja também

Xi Jinping no Cazaquistão

O Presidente da China, Xi Jinping, encontrou-se ontem (dia 3) com o Presidente do Cazaquis…