João Nabais, Vice-Reitor para as Políticas para a Vida na Universidade e relações com a Comunidade, da Universidade de Évora, integrou a equipa de futsal portuguesa DiabPT composta por atletas com diabetes, no Campeonato Europeu de Futsal para Pessoas com Diabetes (DiaEuro), que decorreu nos dias 18 e 19 de junho, em Varsóvia, Polónia.

A equipa conta com membros do Núcleo Jovem da Associação Protectora dos Diabéticos de Portugal (NJA – APDP) e da Associação de Jovens Diabéticos de Portugal (AJDP).
 
“É com muito orgulho que voltamos a representar Portugal numa competição que, acima de tudo, mostra que é possível ter um estilo de vida normal mesmo tendo diabetes. O segredo está no controlo da doença”, afirmou João Nabais, manager e guarda-redes da equipa distinguido como melhor guarda-redes neste campeonato que contou com a participação do embaixador português na Polónia, tendo a equipa lusa alcançado o quinto lugar desta competição.
 
João Nabais, Professor do Departamento de Ciências Médicas e da Saúde da Universidade de Évora, Vice-Presidente da Federação Internacional da Diabetes e Assessor da Direção da APDP tem participado ativamente em iniciativas que aumentam o conhecimento relativamente à diabetes, concretamente a definição da doença, fatores de risco, diagnóstico e medidas preventivas e de controlo, que passam pela adoção de estilos de vida saudáveis, nomeadamente ao nível da alimentação e a prática de exercício físico.
 
O projeto DiabPT United foi criado em 2012 pelo NJA – APDP, a quem se juntou a AJDP. O objetivo passou pela criação de um espaço de partilha de experiências de pessoas com diabetes tipo 1 na prática de exercício físico, desmitificando a diabetes nas suas diversas vertentes. Englobado neste projeto esteve ainda a formação da equipa de futsal, totalmente composta por pessoas com diabetes, que representasse Portugal no Campeonato Europeu de Futsal para Pessoas com Diabetes (DiaEuro).
 
A equipa constituída por jogadores entre os 19 e os 49 anos, que jogam desde as distritais até à 2.ª divisão nacional de futsal, tem como objetivo motivar, inspirar e catalisar os jovens com diabetes a fazer desporto e atividade física, quebrando barreiras e mitos e mostrando que a diabetes, quando é adequadamente tratada, não é uma limitação, em particular para a prática desportiva.
 
Antes de começarem a treinar, os jogadores verificam os níveis glicemia e fazem os ajustes. “Claro que as pessoas com diabetes têm de ter alguns cuidados. Têm de prevenir as hipoglicémias, até para permitir que a performance em termos desportivos seja elevada”, explicou o também assessor da APDP no início deste prova.
 
O evento anual reservado exclusivamente a jogadores com diabetes nasceu em 2012 com o apoio da Federação Ucraniana de futebol, prestado por ocasião do Campeonato Europeu de Futebol.

Fonte: Universidade de Évora

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Veja também

Barragem dos Minutos recebeu 14.ª edição de Águas Abertas

A Câmara Municipal de Montemor-o-Novo realizou na manhã de sábado, 11 de Junho, e integrad…