Portugal, através da Guarda Nacional Republicana, assumiu dia 24 de Junho o Comando da Força de Gendarmaria Europeia (EUROGENDFOR), em Vicenza – Itália.

Coronel da GNR Paulo Jorge Macedo Gonçalves, que já desempenhou diversas funções na GNR e possui assinalável experiência em teatros internacionais, destacando-se a sua participação na Operação Iraqi Freedom, assumiu o comando da EUROGENDFOR através de uma cerimónia que ocorreu no Quartel General Permanente da referida Força, sediado em Vicenza – Itália, a qual contou com a presença simbólica de delegações de Portugal, da Itália e da Polónia.

A EUROGENDFOR atua de acordo com as diretrizes e orientações emanadas pela estrutura de politico-estratégica da organização – o Comité Interministerial de Alto Nível (CIMIN), o qual é composto por representantes dos Ministérios dos Negócios Estrangeiros e Ministérios da Administração Interna ou Defesa de cada país, bem como pelos Comandantes e Diretores-Gerais das forças que a constituem.

A EUROGENDFOR tem como finalidade proporcionar à comunidade internacional um instrumento policial robusto e operacional para a gestão internacional de crises, colocado, em primeiro lugar e particularmente, à disposição da União Europeia, mas também de outras organizações internacionais como a ONU, a OTAN, a OSCE e coligações ad hoc, através da configuração de um instrumento flexível e pré-organizado capaz de realizar todas as tarefas policiais, utilizável subordinado sob qualquer tipologia de comando (militar/civil), devido ao estatuto militar das forças policiais que a constituem.

As missões da EUROGENDFOR, cobrem uma ampla gama de tarefas policiais, desenvolvendo operações de substituição de forças policiais locais, o fortalecimento dessas forças ou missões humanitárias. Devido à capacidade para desenvolver todo o espectro de missões policiais, desde a sua criação formal em 2007, a EUROGENDFOR foi empregue em 16 missões e operações em todo o mundo.

É para a Guarda Nacional Republicana um enorme orgulho assinalar a tomada de posse do Coronel Paulo Gonçalves, enquanto Comandante da EUROGENDFOR, estando certo que o mesmo estará à altura do desafio e responsabilidade da missão que lhe foi atribuída.

Fonte: Nota de Imprensa / Guarda Nacional Republicana

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Veja também

GNR – #NãoSouinDiferente

Hoje, dia 3 de dezembro, dia em que comemora o Dia Internacional das Pessoas com Deficiênc…