A Guarda Nacional Republicana (GNR) realizou, no dia 15 de junho, a cerimónia de condecoração com a medalha D. Nuno Álvares Pereira e entrega da Espada de Oficial General ao 1.º oficial general da Guarda Nacional Republicana, brigadeiro-general António Bogas.

Assinalou-se assim um momento histórico para a GNR, sendo o culminar de um processo iniciado em 1991, com a formação dos oficiais da Guarda, na Academia Militar.

Esta cerimónia realizou-se na sequência da promoção a brigadeiro-general do referido oficial, coronel Tirocinado António Manuel de Oliveira Bogas, bem como a graduação no posto de brigadeiro-general dos coronéis Tirocinados Rui Alberto Ribeiro Veloso e Paulo Jorge Alves Silvério, sendo, desta forma, os três primeiros oficiais generais oriundos da GNR.

A cerimónia foi presidida pelo primeiro-ministro, António Costa, contando com a presença do ministro da Administração Interna, Eduardo Cabrita, e do comandante-geral da GNR, tenente-general Rui Clero.

Fonte / Foto: GNR – Nota de imprensa

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Veja também

GNR – #NãoSouinDiferente

Hoje, dia 3 de dezembro, dia em que comemora o Dia Internacional das Pessoas com Deficiênc…