A Câmara Municipal de Évora recebeu esta semana uma delegação da cidade de Chartres, que se deslocou a Évora a fim de conhecer os projetos que estão a ser desenvolvidos pelo município nas áreas da sustentabilidade, cultura, património e mobilidade.

Juntos, os dois municípios vão procurar pontos de interesse comum que facilitem o desenvolvimento de projetos de intercâmbio futuro entre os dois municípios.

O presidente da Câmara, Carlos Pinto de Sá, recebeu a delegação composta por três vereadores, Isabelle Vincent, Maria Chedeville-Jebli e Patrick Géroudet no Salão Nobre dos Paços do Concelho no dia 22 de outubro.

Para além da receção, estão agendadas reuniões de trabalho com os vereadores Eduardo Luciano e Alexandre Varela. A delegação de Chartres irá ainda visitar o Conservatório Regional Eborae Música e as obras de reabilitação do Palácio de D. Manuel.

Évora e Chartres são geminadas desde 2004, ano em que foi assinado o acordo que promoveu a aproximação das duas cidades que têm em comum, para além de outras caraterísticas, um relevante Património classificado como Mundial pela UNESCO.

A geminação das duas cidades tem desde então permitido uma cooperação ativa em diversas áreas, com relevo para a Cultura, Arte e Educação.

Localizada a cerca de 100 quilómetros de Paris, Chartres tem cerca de 42 mil habitantes, entre os quais uma comunidade portuguesa de quase cinco mil pessoas.

A cidade, famosa pelos vitrais medievais e contemporâneos das suas igrejas e pelo Festival “Chartres en Lumière”, possui um importante Centro Internacional do Vitral que contribuiu para preservar e desenvolver esta arte desde o início do século XII até à atualidade.

Chartres é a quarta cidade geminada com Évora, depois de Suzdal (Rússia), Ilha de Moçambique e Angra do Heroísmo.

Fonte: Câmara de Évora / Nota de imprensa